Sobre o ofício criativo

O trabalho não é feito só por mãos,
mas também pelo improviso do Mistério.
Um artista comunica todo o tempo:
solitário, nunca faz o seu ofício.
Quando pede ao Universo, ele o obtém,
recebendo muitas luzes lá do alto.

Seu trabalho vai além do que imagina,
pois recebe várias formas, conteúdos.
Há louvor em confiar nas próprias forças,
mas o Artista possuirá força mais plena.
Pois se formos carregar os nossos fardos,
tombaremos sobre nossos próprios braços.

Quando põe sua intenção no que ele cria,
seu labor no que propõe a desvendar,
sente a paz de seu artista divertir-se
e alegrar-se da alegria mais profunda.
É bendito quem alegra outras pessoas
na alegria que renova o próprio ser.

DSCF3554

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s